domingo, 18 de setembro de 2016

6 dicas infalíveis para fotografar comida saudável

Fotografar comida saudável é uma tarefa muito divertida e totalmente gratificante. Hoje em dia, qualquer um o faz, quer seja um profissional ou não (até os fotógrafos de casamentos mais amadores já perdem algum tempo a fotografar o menu completo das suas bodas). Até porque não é obrigatório saber muito bem todas as técnicas fotográficas, muito menos ser um expert nos empratamentos, para que as imagens fiquem bem captadas. Muitas vezes, a prática é uma grande aliada e ajuda imenso na aquisição dos conhecimentos.

Eu já fotografo há um bom tempo, como sabem, mais ainda após o nascimento dos meus pequenos. E é muito devido ao tempo que já perdi a fazê-lo que os meus conhecimentos sobre esta arte ficaram muito mais aprofundados e a minha aptidão mais aprimorada. Por isso, sei que existem 6 dicas infalíveis que devem ter em conta quando começam a fotografar, quer profissionalmente, quer amadoramente, imagens de comida saudável, e que tornam qualquer uma numa verdadeira obra de arte:

Fazer um empratamento bonito


Algumas comidas assim o exigem, principalmente quando são compostas por vários alimentos. Portanto, e mesmo que o vosso forte nunca tenha sido as disciplinas de artes, um pouco de imaginação basta para fazer um empratamento bonito. E podem fazê-lo segundo vários critérios: separando as cores, criando um contraste interessante de tons, colocando os alimentos em sítios distintos, brincando com os ingredientes, de forma criativa e original, etc. Notem que o mais importante é que (quase) todos os ingredientes fiquem bem visíveis no prato.

Destacar alguns pormenores do prato


Outra forma de tornar uma fotografia de comida fantástica aos vossos olhos - e aos alheios - é evidenciando um pormenor do prato. Normalmente, a escolha recai para um determinado ingrediente, para um recheio ou até para todo o interior da iguaria (se estivermos a falar, por exemplo, de um bolo, de uma torta, de uma tarte, etc.). Por isso, se acham que existe algum pormenor que deva merecer um maior destaque, ou por ter ficado muito bem cozinhado, ou mesmo pela sua beleza, não deixem de o evidenciar. Vão ver que a fotografia ficará bem mais interessante!

Apostar em alimentos coloridos e frescos


Fotografar comida saudável só faz sentido e só produz os efeitos que pretendem se, realmente, o fizerem logo após a sua confecção e se usarem os ingredientes mais frescos. Lembrem-se que as cores dos alimentos vão alterando-se com o tempo, logo, quanto mais fresquinhos estiverem, mais facilmente transmitem uma aparência saudável e apetitosa nas imagens. Por outro lado, apostarem em alimentos coloridos também torna logo uma fotografia bem mais agradável, o que, já sabem, pode provocar aquela óptima sensação de “água na boca”…

Fotografar algum momento da preparação dos pratos


Fotografar algum momento da confecção é uma das formas mais interessantes de se fazer este trabalho, porque torna a imagem mais real e menos estática. Por outro lado, dá a entender que, realmente, existiu todo um processo e que há alguém por detrás dele, ou seja, humaniza, de certa forma, a imagem. Assim, para além de o resultado final ficar muito bonito, também chama a atenção das pessoas com mais facilidade.

Ser original

A originalidade e a criatividade são qualidades imprescindíveis para os verdadeiros amantes da fotografia de comida saudável. No entanto, caso não sejam dotados de estas duas características, tentem criar formas engraçadas de fotografarem os vossos pratos, aproveitando as particularidades de cada um. Analisem bem os ingredientes e a forma final dos alimentos, e vejam como podem usá-los e dispô-los no prato de forma criativa. Inovem, arrisquem! Neste tipo de trabalhos, a imaginação é o limite. E mesmo que pensem que não têm muita, não desistam de o fazer!

Colocar efeitos nas fotografias


Os efeitos são opcionais, é certo. Porém, se dominam minimamente os editores de imagem (dos computadores ou dos telemóveis), devem aproveitar esta capacidade para embelezar e tornar ainda mais criativas as vossas fotografias de comida saudável. Ou podem fazê-lo no momento em que estão a captar a imagem, recorrendo às várias funcionalidades das vossas máquinas (caso sejam profissionais). Apostem, por exemplo, no foque e no desfoque, nos efeitos de cores, nos filtros, na colocação de outros elementos na imagem, etc. Vão adorar o resultado!
Como viram, fotografar comida saudável é para todos, desde os mais amadores aos mais experientes, apenas necessitam de sentir duas coisas: amor pela fotografia e amor pela cozinha!
Fonte das imagens: Pinterest (Sim, pela primeira vez não são minhas!)

terça-feira, 3 de maio de 2016

E no dia seguinte...


E no dia seguinte à festa Frozen foi dia da festa com os amiguinhos da escola!
A festa foi no Rodinhas Park no Prior Velho e passo publicidade, porque adorei fazer a festa nesse espaço!


Escolhi a opção do lanche a cargo dos pais, porque assim sempre deu para poupar uns trocos! O facto do Rodinhas Park ter uma parceria com o Estrelas e Ouriços ainda deu direito a um desconto de 10%, o que assim sendo ainda mais excelente foi!


O pequenito é que ainda não tem idade para entrar, mas mesmo assim teve vários convites para ir dar uns saltos ao insuflável, só que recusou todos... Só não recusou andar 30 minutos com a mãe num carrinho adaptado e que soube uma maravilha! Afinal os pais também gostam de se divertir!!!




Acabaram os carrinhos e tivemos de sair, mas ficámos a ver a mana e os amigos na palhaçada!


O tema escolhido para esta festa foram os Minions e o pequenito deu uma grande ajuda a arrumar a mesa da festa e a comer bolachas! 


O bolo foi oferta do Rodinhas Park, mas a imagem foi escolhida por mim :)


Um local bem divertido para festas de aniversário, com um pessoal simpático e organizado e um preço que não assusta! Recomendo. :)

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Frozen... o 8.º aniversário!


O 8.º aniversário da minha pimpolha!!!
Os anos passam rápido, já fez 8 anos e daqui a 2 já passa para os 2 dígitos! Tenho saudades da menina pequenina, dos tempos em que não andava na escola e por isso não havia responsabilidades maiores nem horários rígidos a cumprir. 
Passámos a correr o dobro desde que entrou para o 1.º ciclo... tem um dia intenso na escola, chega a casa tem de fazer os tpc's, jantar, tomar banho e pouco resta para brincadeiras... o mano também quer atenção e como ainda não tem uma vida tão ativa acaba por deixar a mana com saudades do tempo em que não tinha responsabilidades. O que vale é que as férias grandes estão quase aí e durante 3 meses pode-se brincar mais :)


O tema da festa deste ano foi escolhido assim que acabou a festa do ano passado! Teria de ser o Frozen e até a gelatina ficou com flocos de neve de tão gelada que foi a festa!!! 


O Olaf veio fazer companhia a uma torta de laranja e côco que é uma delícia de tão húmida que é!


Desde o ano passado que comecei a introduzir mais fruta nas festas e com uma apresentação gira faz uma mesa super colorida! 


Encontrei pela net a receita desta tarte de amêndoa que para mim é a melhor de todas! Ainda não registei a receita no blog, mas tenho de o fazer em breve antes que a perca! :)


O bolo de aniversário este ano, foi um bolo mousse de chocolate. Sobrou um pouco do interior e da mousse, por isso deu para fazer umas tacinhas para os mais gulosos provarem com antecedência, a bomba de chocolate que era o bolo. Devo dizer que das 6 taças, só se comeram 2 na festa... tenho uns convidados pouco gulosos...! (ou então tiveram receio de tirar uma tacinha...).


Uma quiche de fiambre, cogumelos e espinafres que a minha filha adora... desta vez fiz a massa em vez de massa folhada de compra.


Para desenjoar de tanto doce, nada melhor que uns tomatinhos cherry com mozarella e manjericão!


Voltando aos doces... fiquei fã do salame sem ovo. Outra receita a registar para não perder!


Como Frozen que era, a decoração foi toda em azul e branco!!!


O bolo este ano foi muito fácil de fazer! Se existem tantos bonecos no mercado, não vejo necessidade e para mim seria uma perda de tempo, tentar fazê-los em pasta de açúcar! Fui à loja da Disney e comprei estes bonecos giríssimos e que para além de enfeitarem o bolo, agora servem para brincar.
Assim sendo, apenas tive de fazer um bolo simples que servisse de base aos bonecos.





O importante foi que as crianças divertiram-se e passou-se uma bela tarde! (Só consegui apanhar as mais pequenas, as maiores já fogem muito!)



No momento dos Parabéns este ano houve uma explosão de estrelinhas que o meu pequenito ainda hoje fala nisso!


Mais um aniversário que passou e que venham muitos mais!!! Parabéns minha querida!


domingo, 1 de novembro de 2015

Tarte de castanhas e chocolate no Dia Um... Na Cozinha!


Há quanto tempo não passava por aqui e perdia um pouquinho de tempo a colocar algo!!!

Depois de uns meses em que não consegui acertar o passo com o grupo Dia Um... Na cozinha!, finalmente este mês consegui! O tema são as castanhas e para mim tudo serve para fazer um docinho!


Uma receita simples, mas com o sabor da castanha bem presente... quando juntamos o chocolate, fica uma combinação perfeita!


Aqui fica a receita...

Ingredientes:

Massa quebrada (1 folha);
800g de castanhas cozidas;
2 colheres de sopa de chocolate em pó;
100g de açúcar;
100g de manteiga;
3 ovos médios.

Para a cobertura:
1 tablete de chocolate (gosto de usar sempre da Nestlé);
1 dl de natas (usei natas de soja do Pingo Doce).

Como fazer...

- Desenrole a folha de massa quebrada sem retirar o papel vegetal e forre uma forma de tarte com a massa e pique-a com um garfo.
- Coza as castanhas, reduza-as a puré e coloque numa tigela. Junte o açúcar, a manteiga derretida, o chocolate em pó e os ovos. Bata tudo muito bem.
- Deite o preparado por cima da massa quebrada e leve ao forno a 180ºC durante 30 minutos.
- Retire e deixe arrefecer.

Enquanto estiver a arrefecer prepare a cobertura.
- Deite as natas num tacho e leva ao lume até começarem a ferver. Retire do lume e adicione o chocolate partido aos pedaços e vá mexendo até ter um creme liso.

Espalhe a cobertura sobre a massa que foi ao forno e leve ao frigorífico até ser altura de servir.

Decore a gosto!
Espero que gostem.



quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Festa dos 7 anos - Violetta


A festa da minha pimpolha já foi em abril, não ficou esquecida, apenas foi atropelada pela festa do mano e pelo verão que chegou depois junto com a dona moleza. Mas nunca é tarde para deixar aqui um post de como ficou a festa para uma referência futura! 


Nesta festa aprendi que a pasta de açúcar não fica dura de um dia para o outro... pelo que soube depois, convém colocar um pózinho mágico se queremos que fique dura rapidamente. Não se nota muito pois não??? :)


Tal como a minha pimpolha gosta (e eu)... um bolo cheio de brilho!


Havia salame sem ovos e umas bolinhas maravilhosas e super fáceis de fazer que me ensinou a minha querida amiga "dona biscoito", enquanto trocávamos mensagens pelo messenger nestes dias atribulados de festa. 


Queijadinhas de amêndoa... e fruta deliciosa em cestinhos para ter uma mesa com opções para todos.


A gelatina não faltou, desta vez em unidoses enfeitada com gomas e fitinhas com lacinhos...


A mesa dos doces numa outra perspectiva e só hoje reparei, de tão gulosa que sou, não cheguei a fotografar a mesa dos salgados!


O bolo, o rei da festa, que me faz deitar tarde, mas que tanto gosto de fotografar.


Vai uma fatia? Bolo de chocolate com recheio de after-eight.


As lembrancinhas este ano foram menos trabalhosas, para os bebés até 4 anos bolacha maria, para os mais crescidos smarties, kinder, balões e mini chupas. 


Este ano, para não serem só balões, aventurei-me a fazer pompons em papel de seda e papel crepe e fiquei fã! Fica muito giro e fácil de colocar!


Outra inovação, a Joana Botas veio animar a festa e fazer pinturas faciais. Até os mais pequeninos saíram vaidosos com as suas pinturas!


Foi assim e para o ano... há mais! Fiquem sabendo que o tema já está escolhido e já está tudo a começar a ser criado, mas agora só em abril é que se saberá mais!